Produção de motos no Brasil passa de 1 milhão de unidades em agosto

A indústria de motocicletas no Brasil atingiu um marco significativo em agosto, com as fabricantes instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) produzindo um total de 164.008 motocicletas. Esse número representa um aumento de 12,4% em comparação com o mesmo mês do ano anterior, quando foram produzidas 145.852 unidades, e uma elevação de 33,4% em relação às 122.923 motocicletas fabricadas em julho.

Os dados divulgados pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo) revelam que esse é o melhor desempenho registrado em 2023 até o momento e o melhor resultado para o mês de agosto desde 2012, quando foram produzidas 178.084 unidades.

No acumulado dos oito primeiros meses deste ano, a produção de motocicletas ultrapassou a marca de 1 milhão de unidades, atingindo um total de 1.051.422 unidades fabricadas. Isso representa um aumento de 14% em relação ao mesmo período de 2022, quando foram produzidas 921.921 motocicletas.

O presidente da Abraciclo, Marcos Bento, afirmou que “esses números estão dentro da estimativa da Abraciclo e apontam para um crescimento constante e consolidado da indústria de motocicletas. Porém, continuamos atentos ao cenário macroeconômico nacional e internacional.” A Abraciclo estima que a produção de motocicletas no Brasil deve continuar crescendo e alcançar a marca de 1.560.000 unidades até o final de 2023, o que representa um aumento de 10,4% em comparação com o ano anterior.

Além do impressionante desempenho na produção, as vendas no varejo de motocicletas também tiveram um mês excepcional em agosto de 2023. Foram emplacadas um total de 142.770 unidades, marcando um aumento de 20,4% em comparação com o mesmo mês do ano anterior, quando 118.545 motocicletas foram vendidas, e um aumento de 16% em relação a julho, quando 123.085 unidades foram comercializadas. Esse foi o melhor resultado para o mês de agosto desde 2011, quando foram vendidas 181.539 motocicletas no varejo.

As vendas de motocicletas no Brasil também superaram a marca de 1 milhão de unidades no acumulado do ano, com 1.045.925 unidades licenciadas de janeiro a agosto de 2023. Isso representa um aumento notável de 21,3% em relação ao mesmo período de 2022, quando foram emplacadas 862.609 motocicletas.

Em agosto de 2023, as fabricantes de motocicletas no Polo Industrial de Manaus exportaram 3.443 unidades, o que representa uma redução de 55,9% em relação ao mesmo mês do ano anterior (7.807 motocicletas), mas um aumento de 8,4% em relação a julho (3.176 unidades). Os Estados Unidos foram o principal mercado de exportação, com 1.020 unidades embarcadas, seguidos pela Colômbia (932 unidades) e Argentina (524 unidades).

No acumulado do ano, as exportações das associadas da Abraciclo totalizaram 27.152 unidades, uma redução de 28,3% em comparação com o mesmo período de 2022, quando foram exportadas 37.884 motocicletas. A projeção da Abraciclo é que as exportações de motocicletas atinjam 49.000 unidades até o final de 2023, representando uma redução de 11,5% em relação a 2022.

kli

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *